Primavera do Leste / MT

HOME / NOTÍCIAS

política

Vereador Luis Costa solicitará aumento de servidores nos Correios de Pva


A falta de servidores dos Correios de Primavera do Leste tem prejudicado a população, que recebe correspondências com atraso. Esse tema foi levantado em tribuna pelo vereador Luis Costa (PR) que afirmou encaminhar ao Ministério Público (MP) essa demanda existente no município. “Tenho recebido reclamações diariamente sobre esse problema que não tem previsão para acabar e gera grandes transtornos aos cidadãos. Correspondências que são consideradas simples, como fatura, não tem sido entregue aos remetentes, o que acaba prejudicando essas pessoas”, salientou.

O parlamentar também pediu uma atenção especial ao Executivo Municipal em relação a nomeação de um responsável pela Defesa Civil. “Passamos por situação que exige essa proteção civil, mas estamos sem essa segurança em nosso município, que é importante nas ações preventivas, de socorro, assistenciais e também preservar o moral da população e restabelecer a normalidade social”, afirmou.

Além da estruturação da Defesa Civil, Luis Costa solicitou limpezas de terrenos baldios nos bairros Primavera III, Buritis e Bela Vista. Conforme ele, a falta de manutenção tem gerado uma preocupação na população relacionada ao aumento de animais peçonhentos.

Fonte: Assessoria Câmara Municipal


COMENTÁRIOS

0 Comentários

Deixe o seu comentário!





*

HOME / NOTÍCIAS

política

TSE reúne equipes de Bolsonaro e Haddad para discutir fake news


A presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministra Rosa Weber, remarcou para hoje (17) reunião com os coordenadores das campanhas dos candidatos Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT).

No encontro, previsto para às 19h30, em Brasília, estarão na pauta notícias falsas veiculadas especialmente nas mídias sociais.

TSE faz últimos preparativos para o primeiro turno nas Eleições 2018
TSE sediará reunião hoje para debater notícias falsas      (Arquivo/José Cruz/Agência Brasil)

As notícias falsas (fake news, em inglês) entraram na agenda do TSE desde o início da preparação do processo eleitoral.

O tribunal chamou os partidos a assinarem um acordo contra as notícias falsas, reforçou a equipe que monitora essa prática e agora tenta um pacto entre os dois candidatos para evitar a disseminação de fake news.

Para os ministros do TSE, as notícias falsas podem afetar a credibilidade do pleito.

Haddad chegou a propor um acordo com o adversário para evitar as fake news, mas Bolsonaro recusou, via mídias sociais. Decisões do TSE têm tirado notícias falsas da internet.

Fonte: Agência Brasil