Primavera do Leste / MT

HOME / NOTÍCIAS

política

Vereador Luis Costa solicita a secretaria de educação suporte tecnológico para as matrículas on-line


Da Redação

A Prefeitura Municipal de Primavera do Leste, por meio da Secretaria de Educação e Esporte lançou um sistema on-line para as matrículas da rede municipal de ensino. De acordo com o executivo, desta forma não haverá filas na frente as escolas e creches, porém a funcionalidade do sistema foi questionada pelo vereador Luis Costa (PR) na última sessão ordinária (10).

Segundo o legislador, a ideia é boa, mas é importante salientar que nem todos tem acesso à internet, e também não possui um computador em casa. “Muitas famílias ainda não tem computador em casa, e nem acesso à internet para fazerem as matrículas, por isso eu questiono o executivo. Como um pai de família sem esses aparatos tecnológicos conseguirão assegurar uma vaga para o filho?”. Indaga o vereador.

Luis Costa explica que ainda pode ter outro problema, em que, o número de vagas seja insuficiente ao número de alunos. “Será que mudar o sistema resolverá o problema? Será que o município, adotando este sistema on-line, não estaria se isentando da falta de vagas em creches e escolas? Porque um morador reclamar que no seu Bairro não tem a vaga para o filho, mas tem em outra escola de outro Bairro, ai tudo bem, sendo assim não há falta de vagas, mas se o sistema não atender a demanda e pais ficarem sem vagas, o que fazer?” Questiona o legislador.

No ano passado, Luis Costa percorreu várias escolas e creches e acompanhou pais que chegaram a dormir nas filas por esperar uma vaga para seus filhos e este ano, para que não ocorra essa situação, o legislador sugere que a Secretaria de Educação tenha um local, sendo na própria secretaria ou em qualquer outro ambiente, um suporte para atender os pais que não tenham computador em casa com acesso à internet e assim disponibilizar ajuda para aqueles que não conseguem manusear a web.

Eu ainda não ouvi e nem vi a secretaria falar neste suporte para os pais matricularem seus filhos, e espero que haja, como também acompanharei o processo, tendo em vista, que nenhuma criança ou adolescente fique fora da sala de aula”. Conclui Luis Costa.

Em contato com a Assessoria de Imprensa do Município de Primavera do Leste, a redação do jornal foi comunicada que no dia 23 de novembro foi o último prazo para as rematrículas, que já foram concluídas. Para alunos novos as matrículas serão efetuadas nos dias 10 a 18 de janeiro. Os pais precisam acessar o site: smeepvadoleste.com.br e precisará preencher um login e senha para que assim realizem um cadastro e a partir daí preencham o formulário.

Para a matrícula é necessário ter em mãos o CPF e a senha criada pelo login e seguir os passos propostos pelo site. Este processo é uma solicitação de vaga e confirmação da solicitação será enviada por mensagem de texto via whatsApp a partir do dia 21 de janeiro. Nos dias 23 a 25 de janeiro, para os pais que estão solicitando vagas em outras escolas e precisam da transferência, terão que ir até as instituições escolares para fazerem o requerimento da vaga transferida.

Mas atenção que no dia 28, os pais dos alunos que estão entrando pela primeira vez nas escolas municipais, terão que ir até as instituições para entregar a documentação necessária e o prazo final é dia 1 de fevereiro.

A boa notícia é que, depois da fala do vereador Luis Costa, a Secretaria de Educação e os três Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) da cidade, atenderão todos os pais e responsáveis de alunos que não tenham acesso à internet, e assim ajudarão no processo da matrícula on-line. Mas preste atenção, porque essa ajuda ocorrerá nos dias 10 a 18 de janeiro de 2019, entre às 7h da manhã as 11h e das 13h da tarde até às 17h.

Para a rede municipal de ensino são disponibilizadas um pouco mais de 4 mil vagas, distribuídas entre 16 creches e 7 escolas municipais.


COMENTÁRIOS

0 Comentários

Deixe o seu comentário!





*

HOME / NOTÍCIAS

política

Vereador Luis Costa solicita ao executivo a roçada de mato seco em terrenos baldios e caminhões pipas para molharem as ruas de chão


Da Redação

O clima seco é um dos vilões da boa respiração, é a falta de chuva, a poeira excessiva e as queimadas. Primavera do Leste não fica atrás da realidade nacional, pois o período da seca chega em média há durar três meses, e neste período as doenças respiratórias se agravam, principalmente nas crianças e idosos.

Neste último final de semana o vereador Luis Costa (PR) esteve nos Bairros Poncho Verde e São Cristovão, acompanhando a situação dos terrenos baldios que estão com muito mato seco.

“Esta época do ano, que o clima fica mais seco, tem que cuidar mais da saúde com prevenções, como por exemplo, realizar a roçada de alguns terrenos baldios espalhados pela cidade para evitar que pegue fogo. Estarei solicitando a secretaria de obras o serviço de roçada e limpeza dos terrenos principalmente nestes bairros com pontos mais críticos, porque se houver a queimada o fogo pode se espalhar rapidamente e atingir as residências da comunidade”. Explica o vereador Luis Costa.

Na sessão ordinária de segunda – feira (24), o legislador junto com o colega vereador Valmislei Alves dos Santos, falaram sobre as reclamações dos moradores do Bairro Guterres e região em relação à poeira.

“Este é outro problema que se agrava nesta época do ano, e a população não tem aguentando tanta poeira. Alguns bairros da cidade como o Guterres e região, são mais atingidos porque ainda existem algumas ruas sem asfalto, como exemplo, a rua próxima ao aeroporto que é um dos principais acessos aos bairros. Como o colega Valmislei disse, o executivo precisa colocar alguns caminhões pipas para molhar as ruas, porque se existe água para molhar as gramas, como não molhar as ruas de chão. Eu peço atenção da prefeitura em relação a esta situação que os moradores estão passando com tanta poeira, porque se não fazermos nada, as pessoas irão ficar doentes e sempre digo aqui, que a nossa prioridade tem que ser a saúde do cidadão”. Finaliza Luis Costa.