Primavera do Leste / MT

HOME / NOTÍCIAS

política

Vereador Luis Costa irá recorrer contra decisão da sentença de cassação de seu mandato


Da Redação

Após decisão da juíza, Lidiane de Almeida Anastácio Pampado, da 40º zona eleitoral, de cassar o diploma e o mandato eleitoral de vereador do Município de Primavera do Leste, Luis Pereira Costa afirma que irá recorrer contra a decisão da sentença.

Segundo o vereador, o processo se deu por conta da sua atuação em denúncias de possíveis esquemas de corrupção praticados pela gestão atual. Em uma de suas denúncias, Luis Costa aponta ao Ministério Público o envolvimento do então vereador Elton Baraldi (MDB), em que, as empresas de sua família, são favorecidas nos processos de licitações da Prefeitura de Primavera do Leste para a prestação de serviços de transportes. Fato que comprovou-se em uma ação do próprio MP, na época com busca e apreensão no gabinete, residência e nas empresas do próprio Elton Baraldi.

“Eu comecei a fiscalizar e denunciar e isso provocou o grupo político da atual gestão e como forma de me calar, eles disseram que eu estava abusando do poder econômico e fazendo Fake News. É uma situação muito difícil para mim pois estou lutando contra um sistema. Pois a própria juíza que sentenciou o meu processo é amiga do prefeito”. Explica Luis Costa.

Além deste processo um outro já havia sido julgado, também por parte do vereador Elton Baraldi contra o vereador Luis Costa, e neste anterior a juíza Patrícia Cristiane Moreira, julgou favorável ao vereador Luis Costa pois avaliou improcedente a denúncia.

“Os processos tem o mesmo princípio, tanto o primeiro como o segundo e porque agora com a juíza Lidiane a situação foi favorável? Irei recorrer pois é um direito meu e também vou denunciar esse aparelhamento entre os poderes ao Conselho Nacional de Justiça, pois os poderes, legislativo, executivo e judiciário precisam trabalhar de forma independente. Eu continuo o meu mandato e também irei recorrer, até ter um outro retorno da justiça estadual e federal”. Finaliza Luis Costa.

 


COMENTÁRIOS

0 Comentários

Deixe o seu comentário!





*

HOME / NOTÍCIAS

Brasil

Covid-19: Brasil tem mais de 200 milhões de doses de vacinas aplicadas


Vaincação contra covid – Vacina Astrazeneca – Centro de Saúde n°13, 23/07/2021 Fotos: Myke Sena/MS

O Brasil ultrapassou a marca de 200 milhões de doses de vacinas contra a covid-19 aplicadas, informou o Ministério da Saúde. Até agora, são 134 milhões de pessoas com a primeira dose e mais 66,5 milhões com a imunização completa.

Estudos recentes mostram que as vacinas reduzem significativamente o risco de morte, de internações e de infecções causadas pelo vírus. No entanto, a vacina não evita completamente que a pessoa se contagie nem que leve o vírus para outras pessoas.

Segundo a pasta, mesmo com a vacina, os cuidados individuais, como o uso de máscara, álcool em gel e o distanciamento social, são importantes para evitar o contágio.

O Brasil registra, no total, 20.877.864 casos notificados de covid-19 desde o início da pandemia e 583.362 mortes. Os dados foram divulgados neste sábado (4) pelo Ministério da Saúde, com base em informações disponibilizadas pelas secretarias estaduais de Saúde.

O número de pessoas recuperadas da doença chegou a 19.838.912 (95%). De acordo com o balanço, há 455.590 casos em acompanhamento e 3.475 óbitos em investigação.

Por Camila Boehm – Repórter da Agência Brasil – São Paulo


HOME / NOTÍCIAS

política

Vereadores de Primavera do Leste terão novamente a oportunidade de fazer justiça em votar pela abertura de CP


Foi protocolado novamente por um cidadão a solicitação de abertura de uma Comissão Processante para investigar as empresas ligadas a família do vereador Elton baraldi (MDB), em ser favorecido nos processos de licitação na Prefeitura de Primavera do Leste.
Os vereadores terão a oportunidade de fazer justiça e votar favorável pela abertura da CP. Houve já uma solicitação anterior, porém no dia em que entrou em pauta, o vereador Elton Baraldi falou que as investigações das empresas ligadas a sua família, foram arquivados e o Ministério Público fez um Termo de Ajustamento de Conduta sobre o caso.
“O que não é verdade pois o que ocorreu foi um TAC com o MP em devolver uma multa de 100 mil porém, as empresas da família do vereador, faturaram nos últimos anos em Primavera do Leste em torno de 4 milhões de reais”. Fala o vereador Luis Costa.
Após o cidadão ter conhecimento do TAC que segundo o mesmo, não era o arquivamento da ação, sendo assim, propôs o pedido com esse fato novo, pois acredita que anteriormente os vereadores teriam sido induzidos ao erro.
Agora o documento precisa que o presidente da Câmara receba e envie para o Dr. Luiz Carlos Rezende, para realizar o parecer jurídico e assim votar em plenário. É importante lembrar que a lei orgânica do município proibi que vereadores sejam contratados, e ficou claro que pelo MP o vereador Nhonho era dono da empresa, porém era operada em nomes de laranjas.