Primavera do Leste / MT

HOME / NOTÍCIAS

Região

Vendedor é atropelado e morto a tiros e facadas por grupo que disputava ponto comercial em General Carneiro


Um vendedor ambulante foi morto a tiros, facadas e ainda atropelado na noite dessa quinta-feira (26) por três pessoas em General Carneiro, a 449 km de Cuiabá.

De acordo com o delegado da Polícia Civil, Wiliney Santana Borges, a vítima e os suspeitos disputavam um ponto comercial na BR-070.

Oziel de Souza Santos, de 43 anos, foi morto no Centro de General Carneiro. A Polícia Militar prendeu três suspeitos de cometerem o crime: Wesley Ferreira de Paula, de 35 anos, Cleiton da Silva Tomaz, de 33 anos, e Rodrigo Nogueira Barroso, de 41 anos.

Um deles foi até a casa da vítima e foi recebido por um dos filhos de Oziel. Ele pediu que o menino chamasse pelo pai dele. Quando Oziel foi até o portão, já foi baleado pelo suspeito. A vítima tentou fugir e correu em direção ao Centro da cidade.

O suspeito entrou em um carro, com os outros dois homens, e passaram a perseguir o vendedor. Ele foi atropelado pelo veículo. Em seguida, os três homens saíram do automóvel e passaram a agredir Oziel.

Uma ambulância foi chamada e fez os primeiros socorros ao vendedor. Oziel foi levado para atendimento médico em Barra do Garças, a 516 km de Cuiabá, mas morreu.

“Ele teira colocado muitos vendedores no local e atrapalhando a comercialização dos produtos dos suspeitos. Então, já existia uma rixa. Um dos suspeitos tinha pedido para a vítima colocar menos vendedores e ele [Oziel] insistia em colocar mais”, contou o delegado.

Os três suspeitos foram autuados pelos crimes de homicídio duplamente qualificado, por motivo fútil e cruel, que dificultaram a defesa da vítima. Eles serão encaminhados para audiência de custódia nesta sexta-feira (27).

G1/MT


COMENTÁRIOS

0 Comentários

Deixe o seu comentário!





*

HOME / NOTÍCIAS

política

TSE reúne equipes de Bolsonaro e Haddad para discutir fake news


A presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministra Rosa Weber, remarcou para hoje (17) reunião com os coordenadores das campanhas dos candidatos Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT).

No encontro, previsto para às 19h30, em Brasília, estarão na pauta notícias falsas veiculadas especialmente nas mídias sociais.

TSE faz últimos preparativos para o primeiro turno nas Eleições 2018
TSE sediará reunião hoje para debater notícias falsas      (Arquivo/José Cruz/Agência Brasil)

As notícias falsas (fake news, em inglês) entraram na agenda do TSE desde o início da preparação do processo eleitoral.

O tribunal chamou os partidos a assinarem um acordo contra as notícias falsas, reforçou a equipe que monitora essa prática e agora tenta um pacto entre os dois candidatos para evitar a disseminação de fake news.

Para os ministros do TSE, as notícias falsas podem afetar a credibilidade do pleito.

Haddad chegou a propor um acordo com o adversário para evitar as fake news, mas Bolsonaro recusou, via mídias sociais. Decisões do TSE têm tirado notícias falsas da internet.

Fonte: Agência Brasil