Primavera do Leste / MT

HOME / NOTÍCIAS

A Palavra

“Saúde de Cara Nova” aprimora estruturas das unidades de saúde de Primavera do Leste


O projeto é 100% desenvolvido com recursos municipais e custará aproximadamente R$ 500 mil

Para complementar os diversos trabalhos realizados na área da saúde, em Primavera do Leste, dentre inaugurações e retomadas de obras, a gestão anuncia o “Saúde de Cara Nova”, um projeto que visa reformar 13 unidades de saúde, nos mais diversos cantos da cidade, como por exemplo, postos de saúde, Centro de Especialidades Médicas e Núcleo de Saúde.

As obras iniciaram no Posto de Saúde do Primavera II, localizado na Avenida Cuiabá, próximo à creche Jonas Pinheiro, e no Centro de Especialidades Médicas Osvaldo Cruz (Cemoc). Os serviços abrangem pinturas, troca de portas danificadas, troca de telhas quebradas, fechamento de rachaduras e conserto de infiltrações.

O projeto é inteiramente desenvolvido pela Prefeitura de Primavera do Leste, por meio da Secretaria de Saúde. A verba utilizada provém de recursos próprios. O investimento se aproxima dos R$ 500 mil, se considerado todos os reparos a serem realizados nas 13 unidades.

“Este projeto vai proporcionar mais qualidade para os trabalhadores da saúde que passam a maior parte do dia oferecendo serviços à população, além disso, um espaço bem cuidado recebe os pacientes da maneira que merecem”, relata o prefeito Léo Bortolin, que idealizou o projeto a partir das sugestões da Secretária de Saúde Laura Kelly.

A secretária menciona que todos os trabalhos serão executados da forma mais rápida possível e que os reparos não devem atrapalhar os atendimentos nas unidades, que mantêm o funcionamento normal durante as reformas.

ASCOM – Prefeitura de Primavera do Leste


COMENTÁRIOS

0 Comentários

Deixe o seu comentário!





*

HOME / NOTÍCIAS

política

Vereador Luis Costa solicita ao executivo a roçada de mato seco em terrenos baldios e caminhões pipas para molharem as ruas de chão


Da Redação

O clima seco é um dos vilões da boa respiração, é a falta de chuva, a poeira excessiva e as queimadas. Primavera do Leste não fica atrás da realidade nacional, pois o período da seca chega em média há durar três meses, e neste período as doenças respiratórias se agravam, principalmente nas crianças e idosos.

Neste último final de semana o vereador Luis Costa (PR) esteve nos Bairros Poncho Verde e São Cristovão, acompanhando a situação dos terrenos baldios que estão com muito mato seco.

“Esta época do ano, que o clima fica mais seco, tem que cuidar mais da saúde com prevenções, como por exemplo, realizar a roçada de alguns terrenos baldios espalhados pela cidade para evitar que pegue fogo. Estarei solicitando a secretaria de obras o serviço de roçada e limpeza dos terrenos principalmente nestes bairros com pontos mais críticos, porque se houver a queimada o fogo pode se espalhar rapidamente e atingir as residências da comunidade”. Explica o vereador Luis Costa.

Na sessão ordinária de segunda – feira (24), o legislador junto com o colega vereador Valmislei Alves dos Santos, falaram sobre as reclamações dos moradores do Bairro Guterres e região em relação à poeira.

“Este é outro problema que se agrava nesta época do ano, e a população não tem aguentando tanta poeira. Alguns bairros da cidade como o Guterres e região, são mais atingidos porque ainda existem algumas ruas sem asfalto, como exemplo, a rua próxima ao aeroporto que é um dos principais acessos aos bairros. Como o colega Valmislei disse, o executivo precisa colocar alguns caminhões pipas para molhar as ruas, porque se existe água para molhar as gramas, como não molhar as ruas de chão. Eu peço atenção da prefeitura em relação a esta situação que os moradores estão passando com tanta poeira, porque se não fazermos nada, as pessoas irão ficar doentes e sempre digo aqui, que a nossa prioridade tem que ser a saúde do cidadão”. Finaliza Luis Costa.