Primavera do Leste / MT

HOME / NOTÍCIAS

Polícia

PRF reforça fiscalização durante feriado de 7 de setembro em MT


As rodovias federais de Mato Grosso ganharam reforço na fiscalização durante o feriado prolongado de 7 de setembro. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a Operação Independência começou na quarta-feira (6) e vai até domingo (10).

Nesses dias, os policiais devem atuar nos trechos da BR-070, BR-158, BR-163, BR-174 e BR-364 de forma mais intensa.

A fiscalização será reforçada neste período e terá como foco, especialmente, as ultrapassagens indevidas, o excesso de velocidade e a ingestão de bebida alcoólica, que são atitudes que mais implicam em acidentes de trânsito e, consequentemente em mortos e feridos.

O superintendente regional da PRF em Mato Grosso, Aristóteles Cadidé da Silva, determinou que os policiais fazem rondas ostensivas, operações com o uso de radar, além de colocar as viaturas em locais com índices maiores de infrações, ultrapassagens indevidas e excesso de velocidade.

Abordagens e testes de alcoolemia também serão feitas pela PRF nas rodovias fiscalizadas.

Conforme a PRF, a operação pretende tornar mais segura a viagem de quem transita pelas rodovias federais devido ao feriado de 7 de Setembro, em que há previsão de aumento no número de veículos em trânsito.

Conforme a concessionária Rota do Oeste, o fluxo de veículos de passeio na BR-163, BR-364 e rodovia dos Imigrantes deve aumentar 17% durante o feriado. Os dias 7 e 10 estão previstos como os de maior intensidade.

Restrição de tráfego

Durante a operação haverá restrição de tráfego nas rodovias federais de pista simples de todo o país, na quinta-feira das 6h às 12h, e no domingo, das 16h às 22h.

A medida é válida para Combinações de Veículos de Cargas (CVC), portando Autorização Especial de Trânsito (AET), de Combinações de Transporte de Veículos (CTV) e Combinações de Transporte de Veículos e Cargas Paletizadas (CTVP), portando ou não a AET, bem como o trânsito dos demais veículos portadores de AET.

Com informações do G1

Porém, em Mato Grosso, na BR-163/364, onde a maior parte está duplicada, entre a divisa com Mato Grosso do Sul e Cuiabá, não será aplicada a restrição.


COMENTÁRIOS

0 Comentários

Deixe o seu comentário!





*

HOME / NOTÍCIAS

política

Senador Wellington Fagundes recebe vereador Luis Costa em Brasília


Da Redação

Na tarde de ontem (17), o senador Wellington Fagundes (PR) recebeu o vereador Luis Costa (PR) de Primavera do Leste, em Brasília para falar de projetos políticos para o município. Wellington sempre esteve presente em Primavera do Leste com inúmeras emendas destinadas para a saúde, educação e infraestrutura da cidade. Recentemente o senador foi candidato ao governo de Mato Grosso e obteve 280.055 mil votos, sendo o segundo candidato mais votado no estado.

Luis Costa é vereador pelo Partido da República e tem sido uma base política para o senador Wellington. Luis disputou as eleições como candidato a Deputado Estadual, e em Primavera do Leste, foi o candidato a Deputado Estadual mais bem votado. O legislador avalia a parceria e amizade com o senador, muito produtiva e afirma que o município precisa ter mais representantes municipalistas, que destinam emendas para a execução de projetos políticos, garantindo assim os direitos básicos de cada cidadão.

Wellington Fagundes ingressou na política de classe como presidente da Associação Comercial Industrial de Rondonópolis por dois mandatos, 1983 a 1986. Em 1987, assumiu a Secretaria Municipal de Planejamento de Rondonópolis, na gestão de Hermínio J. Barreto. Em 1990, concorreu a uma cadeira na Câmara dos Deputados e foi eleito. Foi reeleito em 1994, 1998, 2002, 2006 e 2010, sendo nessa última o parlamentar mais votado do Mato Grosso, com 145 460 mil votos.

Em seus 24 anos como deputado federal (seis mandatos consecutivos), Wellington Fagundes foi vice-líder do bloco PSDB/PTB em 2001. Em 2004 foi também vice-líder, agora do bloco PL/PSL. Em 2012 foi vice-líder do bloco PR/PTdoB/PRP/PHS/PTC/PSL/PRTB. Desde 2009 ocupa a presidência regional do Partido da República em Mato Grosso. É titular da comissão de Viação e Transportes; da comissão destinada a trabalhar pelo projeto que obriga o Poder Executivo a elaborar e cumprir plano de metas; da comissão que acompanha os desdobramentos da grave situação vivenciada na reserva Suiá-Missú; e também é titular na representação brasileira no Parlamento do Mercosul.

No último pleito, em 2014, Wellington Fagundes foi eleito Senador da República, com 646.344 votos.Como senador, Wellington Fagundes foi vice-líder do Governo e líder do Partido da República. Foi também presidente da Comissão Senado do Futuro – CSF – e é atual coordenador da Frente Parlamentar de Logística de Transportes e Armazenagem (Frenlog). Em 2016 foi o relator da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), que orientou a elaboração do Orçamento da União, com atuação destacada na busca pela elaboração de um Orçamento realista e voltado a otimização dos recursos públicos.