Primavera do Leste / MT

HOME / NOTÍCIAS

cidade

Prefeito Leo Bortolin, empossa secretários


Foto: Diego Eifler/ Assessoria Prefeitura PVA

Da Redação

Na tarde desta segunda, 11, o prefeito Leonardo Bortolin (PMDB), deu posse a sua nova equipe de secretariados. O cerimonial foi realizado na Prefeitura Municipal, com a presença de prefeitos e vereadores das cidades vizinhas, além de todos os representantes do Poder Legislativo de Primavera do Leste, além de empresários, Entidades da sociedade civil organizada, autoridades políticas da capital, e a população em geral.

Confira abaixo a nova equipe de trabalho:

Assessoria de Gabinete – Carlos Alberto Barros: foi assessor parlamentar na Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso. Possui grande experiência em relações políticas e institucionais e assume a assessoria de gabinete com o desafio de fortalecer o diálogo da Prefeitura, os poderes constituídos e a população.

Chefe de Gabinete – Luiz Carlos Rezende: tem formação acadêmica em Letras e em Direito, pós-graduação em Direito Empresarial e atualmente cursa pós-graduação em Gestão Pública. Em Primavera do Leste sempre atuou como advogado e professor, desde 2003. Atuou por vários anos como assessor jurídico e diretor da Câmara Municipal e foi conselheiro estadual e corregedorestadual da Ordem dos Advogados (OAB). Ele também recebeu, da Câmara Municipal, o título de Cidadão Primaverense.

Secretaria de Saúde – Haid Baraldi: Graduada em Enfermagem pela faculdade Centro Matogrossense e especialista na área de saúde da família, auditoria para Sistema Público de Saúde (SUS) e educação profissional na área de saúde. Foi coordenadora de atenção básica e de educação permanente, e atuou como secretária de saúde por duas vezes. Também exerceu a função de tutora na Universidade Federal de Mato Grosso e Fundação Osvaldo Cruz.

Secretaria de Educação – Adriana Tomazoni: é pedagoga, pós-graduada em Psicopedagodia e mestre em Educação na linha de Formação de Professor, pela Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT). Atuou no Centro de Formação e Atualização de Profissionais da Educação Básica (Cefapro). Já tem experiência como secretária municipal de educação em Primavera do Leste por quatro anos. É superintendente da formação de profissionais da educação básica na Secretaria de Estado de Educação, presidente de união nacional dos dirigentes municipais da educação na gestão de 2015 a 2017, e atualmente preside o Conselho Estadual de Educação de Mato Grosso e, pela dedicação à educação, recebeu o título de mulher cidadã mato-grossense, no início deste ano.

Secretário de Administração – Paulo Márcio: Servidor público municipal há 12 anos, Paulo Márcio Castro e Silva é mato-grossense, de Tesouro. Bacharel em Direito e Contabilidade, cursa especialização em Gestão Pública pelo IFMT. Foi membro do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (FUMDEB) e de Valorização dos Profissionais da Educação, presidente da comissão do Programa Nacional de Apoio ao Transporte Escolar (PNATE) e Coordenador Municipal de Transporte Escolar. Vereador eleito em 2016 pelo DEM, ele licenciou-se para assumir a Secretaria de Administração.

Secretaria de Cultura – Wanderson Lana: é ator, diretor e dramaturgo. Servidor de Carreira do município há 12 anos. Graduado em História pela Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), especialista em História da América Latina, mestre em Estudos de Cultura Contemporânea e Doutorando em Estudos de Cultura Contemporânea pela Universidade Federal de Mato Grosso. Finalista do prêmio “Jovens Inspiradores do Brasil” organizado pela Revista Veja.

Secretaria de Fazenda – Vanderlei Tolfo: é formado em contabilidade e diretor do Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis no Estado de Mato Grosso (Sescon/MT). Atuou como delegado do Conselho Regional de Contabilidade no Estado de Mato Grosso (CRC/MT). Experiente, com atuação na área de contabilidade, legislação fiscal e trabalhista há mais de 23 anos. Em reconhecimento ao trabalho desenvolvido, Vanderlei recebeu o título de cidadão mato-grossense e a Câmara Municipal o homenageou com a diplomação de cidadão Honorário. Atualmente Vanderlei Tolfo exerce o cargo de conselheiro fiscal da Associação dos Contabilistas de Primavera do Leste.

Secretaria de Promoção e Assistência Social – Rosecler Szadkoski: é advogada, foi coordenadora do Procon e professora universitária no curso de direito. É especialista em Processo Civil e Direito do Consumidor, com larga experiência em relacionamento e resolução de demandas.

Secretaria de Indústria, Comercio e Meio Ambiente – Carlos Donin: é técnico agrícola, graduado em Marketing pela Universidade de Cuiabá (Unic), tem MBA em liderança e coaching e é formado em gestão em liderança.

Secretaria de Infraestrutura e Obras – Eduardo Wolff: é formado em Engenharia Civil com MBA em Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações. Possui formação em cursos relacionados ao LeanConstruction (sistema de construção enxuta). Trabalhou na Companhia Riograndense de Saneamento (CORSAN) e também teve atuação na empresa Sul Cava Infraestrutura e comércio. Atualmente sócio proprietário no escritório Wolff e Zacarelli Engenharia e Arquitetura e também atua como professor da Universidade de Cuiabá (UNIC), campus de Primavera do Leste.

Assessor de Planejamento – Hélio Razia: possui experiência na área política e administração pública. Foi secretário de indústria e comércio e promotor de novos investimentos na prefeitura de Rondonópolis, período em que foram implantados quatro distritos industriais, atraindo um grande número de empresas para a cidade. Foi secretário adjunto na Secretaria Estadual de Indústria, Comércio e Mineração e gerente comercial das empresas Sadia S/A, Grupo Zahran e Viana Agro Mercantil.


COMENTÁRIOS

0 Comentários

Deixe o seu comentário!





*

HOME / NOTÍCIAS

Brasil

Michel Temer é preso por força-tarefa da Lava Jato; Moreira Franco é procurado


A Força-tarefa da Lava Jato prendeu Michel Temer, ex-presidente da República, na manhã desta quinta-feira (21). Os agentes também tentam cumprir um mandado contra Moreira Franco, ex-ministro de Minas e Energia. Os mandados foram

expedidos pelo juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal Criminal do Rio.

De acordo com o G1, a Polícia Federal (PF) tentava rastrear e confirmar a localização de Temer desde quarta-feira (20), sem obter sucesso. Por este motivo, a operação prevista para as primeiras horas desta quinta-feira atrasou.

A prisão de Temer tem como base a delação de Lucio Funaro. No ano passado, Funaro entregou à Procuradoria-Geral da República informações complementares do seu acordo de colaboração premiada. Entre os documentos apresentados estão planilhas que, segundo o delator, revelam o caminho de parte dos R$ 10 milhões repassados pela Odebrecht ao MDB na campanha de 2014.

A delação de Lúcio Funaro, operador do PMDB, feita em setembro de 2017 e homologada pelo Supremo Tribunal Federal (STF), serviu como base para a força-tarefa da Lava Jato. A colaboração de Funaro detalha como funcionava o esquema de corrupção no Congresso, chefiado por nomes fortes do PMDB – entre eles, Henrique Alves, Geddel Vieira Lima, Moreira Franco, Eduardo Cunha e Tadeu Filippeli.

De acordo com o jornal O Globo, investigadores cruzaram informações e documentos fornecidos por Funaro com planilhas entregues à Justiça pelos doleiros Vinícius Claret, o Juca Bala, e Claudio Barbosa, o Toni. Eles são apontados como responsáveis por mandar valores para o exterior para políticos e empresários, inclusive Altair Alves Pinto, apontado como operador de Eduardo Cunha. Altair era conhecido como “o homem da mala” e repassava dinheiro para Cunha e para o ex-presidente Michel Temer.

Em breve, mais informações.

Istoé 


HOME / NOTÍCIAS

Brasil

Provas do Enem serão aplicadas nos dias 3 e 10 de novembro


As provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) deste ano serão aplicadas nos dias 3 e 10 de novembro, segundo cronograma divulgado na tarde de hoje (27) pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Pelo calendário, as inscrições estarão abertas de 6 a 17 de maio.

Entre 1º e 10 de abril os estudantes poderão pedir isenção da taxa de inscrição. Nesse mesmo período, o Inep vai receber as justificativas dos que faltaram às provas em 2018. O edital do Enem, conforme o instituto, será publicado no próximo mês.

No ano passado, 5,5 milhões de pessoas se inscreveram para fazer o Enem, mas 4,1 milhões compareceram aos dois dias de provas. Nos dois domingos de exame, os estudantes precisam desenvolver conhecimentos de linguagens, incluindo redação, ciências humanas, ciências da natureza e matemática.

Os resultados do Enem podem ser usados em processos seletivos para vagas no ensino superior público, pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu), para bolsas de estudo em instituições privadas, pelo Programa Universidade para Todos (ProUni), e para obter financiamento do curso pelo Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

Em 2019 o Sisu ofereceu 235,4 mil vagas, distribuídas em 129 universidades públicas de todo o país. Além de universidades brasileiras, os estudantes podem se inscrever em 37 instituições portuguesas que têm convênio com o Inep.

Enem

 

Fonte: Agência Brasil