Primavera do Leste / MT

HOME / NOTÍCIAS

Polícia

A Polícia Civil conclui inquérito sobre a morte do menino João, na Avenida dos Lagos


Da Redação

A Delegada da Polícia Civil, Anamaria machado Costa, responsável pelo inquérito policial, indiciou o suspeito pelo crime de homicídio doloso, pois assumiu o risco de matar.

As investigações concluídas constataram que, por meio do exame de bafômetro, que o suspeito teria em seu organismo um índice de álcool bem acima do permitido legalmente.

Ainda segundo a Polícia Civil, o menino estava em frente ao Lago Municipal, quando foi atropelado por um motociclista no dia 01/10/2017. As investigações apontaram que o suspeito, J.B.F. , conduzia o veículo com excesso de velocidade na rua e em razão disso não conseguiu evitar a fatalidade.

O suspeito se encontra preso preventivamente. Toda a sociedade Primaverense lamente a morte do menino, João Henrique Lopes Tows, vítima de mais uma imprudência no trânsito.

O caso

 

Um menino de 6 anos morreu atropelado na noite deste domingo, 1, na Avenida que fica em frente ao lago municipal em Primavera do Leste.

Segundo populares, um motociclista, aparentemente bêbado, atropelou a criança, e o impacto foi tão grande que jogou o menino a 50 metros, e depois ainda tentou fugir do local, mas caiu da moto logo à frente. As pessoas que estavam no local, ficaram nervosas com a situação e tentaram agredir o motociclista, mas a polícia chegou logo em seguida e levou o suspeito para a Delegacia de Polícia.


COMENTÁRIOS

0 Comentários

Deixe o seu comentário!





*

HOME / NOTÍCIAS

Polícia

Incêndio destrói loja de rodas esportivas e pneus em Várzea Grande (MT)


Um incêndio na noite dessa quinta-feira (21) destruiu uma loja de rodas esportivas e pneus no Centro de Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, suspeita-se de curto circuito na rede elétrica do estabelecimento. O fogo foi controlado e não houve registro de feridos.

Segundo os bombeiros, o incêndio atingiu uma loja que fica na Avenida Couto Magalhães.

Três viaturas e 25 militares foram enviados ao local por conta da quantidade de pneus na loja.

Os militares evitaram que as chamas se espalhassem para estabelecimentos vizinhos, como uma loja de fogos de artifício que fica ao lado do local.

Os bombeiros também conseguiram evitar que o incêndio atingisse o estoque de rodas e pneus, além do escritório da loja. Guardas municipais e policiais militares também deram apoio ao combate ao incêndio.

Fonte: G1 Mato Grosso