Primavera do Leste / MT

HOME / NOTÍCIAS

cidade - política

Ministro Osmar Terra reconhece a necessidade de um Perito Médico em Primavera do Leste e sinaliza alternativas para resolver o problema


Da Redação

Durante a reunião o Ministro do Desenvolvimento Social e Agrário, sinalizou alternativas para resolver o problema da falta de um perito médico em Primavera do Leste. De acordo com Osmar Terra, a demanda será discutida no Ministério, resolvendo a situação em breve com um novo perito médico para atender o município, ou outra alternativa apresentada é que um médico perito atenda duas vezes na semana.

A reunião com o Ministro Osmar Terra foi um pedido do vereador Luis Costa (PR), que estava na Comitiva em Brasília, durante esta semana passada, representada pelo prefeito, Leonardo Bortolin (PMDB), vereadores, e também alguns secretários do município. A viabilidade da reunião se deu pelo apoio do Deputado Federal, Valtenir Pereira (PSB), que não mediu esforços para acompanhar a Comitiva nas conquistas para Primavera do Leste.

Segundo o Prefeito Leo, Primavera do Leste é uma cidade pólo da região, são mais de sete municípios que necessitam do atendimento, e são mais de oito anos sem um médico perito. O vereador Luis Costa, também argumentou que essas pessoas que hoje necessitam passar pelo médico perito, estão se deslocando para Cuiabá, Rondonópolis ou Barra do Garças, tornando ainda mais difícil para quem já está doente, e sem contar os gastos do deslocamento.

O presidente da Câmara Municipal de Primavera do Leste, Valmislei Alves dos Santos (PV), disse que várias pessoas vão à Casa de Leis, pedir ajuda, para a compra de passagem,  para a despesa com alimentação e hospedagem, e diante da demanda, vários vereadores da Câmara já fizeram ofícios para a Previdência Social no Estado e também para o Governo Federal, mas até está reunião, não havia respostas.

Após a reunião, Luis Costa, diz que agora há uma esperança. “Fico muito feliz por sair da reunião com uma resposta positiva do Ministro Osmar Terra. Porque o povo não pode continuar sofrendo desta forma, com a falta de perito médico. Em breve teremos o atendimento em nossa cidade. Estarei acompanhando os trâmites”.

Essa foi uma das agendas da Comitiva de Primavera do Leste em Brasília, e diante de tantas conquistas, o vereador Elton Baraldi (PMDB), avaliou a semana  de forma positiva, e destacou a visita a seis ministros. “Estamos voltando para Primavera do Leste, felizes, porque aqui conquistamos ainda mais recursos, fizemos parcerias, e ainda novas agendas futuras”. Pontuou o vereador.

Na Comitiva em Brasília estava o Prefeito Leo, os vereadores, Luis Costa, Valmislei Alves dos Santos, Carlos Venâncio dos Santos (PSD), Elton Baraldi, Manuel Mazutti (PMDB), Paulo Márcio  Castro Silva (DEM), Kinha Juriti (PV) e Josafá Martins Barbosa (PP), também os secretários, Eduardo Wolf, Carlos  Donin, Laura Leandra, além da assessora jurídica da Prefeitura Municipal, Janaina Ottonelli, e o assessor especial da presidência da Câmara Municipal, Jeferson Lobato.


COMENTÁRIOS

0 Comentários

Deixe o seu comentário!





*

HOME / NOTÍCIAS

política

Rosa Weber toma posse na presidência do TSE


A ministra Rosa Weber toma posse hoje (14), às 20h, no cargo de presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em sessão solene no plenário da Corte. A solenidade será transmitida ao vivo pela TV Justiça e pelo canal do TSE no YouTube.

Rosa Weber será a segunda mulher a presidir o TSE em mais de 70 anos de criação do tribunal. A primeira foi Cármen Lúcia, em 2012. O primeiro desafio da ministra será a organização das eleições de outubro, que serão realizadas no dia 7.

A ministra do Supremo Tribunal Federal (STF), Rosa Weber, durante a segunda e última audiência pública sobre descriminalização do aborto.
A ministra do STF Rosa Weber (Marcelo Camargo/Arquivo Agência Brasil)

Rosa Weber, que é ministra do Supremo Tribunal Federal (STF), já ocupa a vice-presidência do tribunal e vai suceder a Luiz Fux, que concluiu período máximo de dois anos no cargo. O mandato irá até agosto de 2020.

Na mesma sessão, serão empossados os ministros Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF),  e Jorge Mussi, do Superior Tribunal de Justiça. Barroso assume como vice-presidente do TSE e Mussi será corregedor-geral da Justiça Eleitoral.

O TSE é formado por sete ministros, dos quais três são do STF, sendo um o presidente da Corte. Dois ministros são do STJ, um dos quais é o corregedor-geral da Justiça Eleitoral, e dois juristas que representam os advogados e são nomeados pelo presidente da República.

Nas eleições de outubro, caberá ao tribunal, além de organizar o pleito, deferir os registros de candidatura de candidatos à Presidência da República e todos os recursos que os envolvem.

Histórico

A ministra nasceu em Porto Alegre e fez carreira como magistrada da Justiça do Trabalho no Rio Grande do Sul. Antes de ser nomeada para o STF em 2011, Rosa ocupava o cargo de ministra do Tribunal Superior do Trabalho (TST). Graduou-se em Ciências Jurídicas e Sociais pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), foi juíza do Trabalho no período de 1981 a 1991, integrou o Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região (RS) de 1991 a 2006. Rosa Weber assumiu a presidência do TRT da 4ª Região de 2001 a 2003.

Fonte: Agência Brasil