Primavera do Leste / MT

HOME / NOTÍCIAS

Polícia

Mãe mandava garota de 13 anos tomar banho para padrasto estuprá-la


A Polícia Militar prendeu A.C.V., 41 anos, e T.O.C., 37 anos – padrasto e mãe de uma menor de 13 anos, que chamou a polícia relatando ser estuprada pelo homem há pelo menos três anos. O último caso aconteceu no bairro Tijucal, em Cuiabá, na noite deste domingo (4).

A garota fugiu de casa, por volta das 19h, e foi para uma quadra de esportes do bairro, de onde acionou a polícia com ajuda de uma conhecida. Ela afirmou ter sido tocada nos seios e vagina pelo criminoso.

Aos policiais, a garota relatou que vinha sofrendo abusos sexuais há três anos, desde quando passou a morar com a mãe. O padrasto seria o agressor.

A vítima também afirmou que a mãe consentia com os abusos. Em determinada vez, a mãe foi até o quarto dela e a mandou tomar banho. Depois disso, o padrasto entrou no quarto e estuprou a menor.

Segundo a garota, sempre que relatava os abusos para a mãe, acabava sendo espancada.

Diante da gravidade da denúncia, os policiais foram até a casa e localizaram a mãe e o padrasto.

A mulher disse que agrediu a filha sim, porém, como corretivo devido à rebeldia dela. Já o padrasto negou abusar sexualmente da menor.

Ambos foram algemados e encaminhados para a Central de Flagrantes (Cisc), do bairro Planalto.

O Conselho Tutelar acompanhou a menor.

A Polícia Civil investiga o caso por meio da Delegacia Especializada de Defesa dos direitos da Criança e Adolescente (DEDDICA).

Fonte: Repórter MT


COMENTÁRIOS

0 Comentários

Deixe o seu comentário!





*

HOME / NOTÍCIAS

Polícia

Incêndio destrói loja de rodas esportivas e pneus em Várzea Grande (MT)


Um incêndio na noite dessa quinta-feira (21) destruiu uma loja de rodas esportivas e pneus no Centro de Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, suspeita-se de curto circuito na rede elétrica do estabelecimento. O fogo foi controlado e não houve registro de feridos.

Segundo os bombeiros, o incêndio atingiu uma loja que fica na Avenida Couto Magalhães.

Três viaturas e 25 militares foram enviados ao local por conta da quantidade de pneus na loja.

Os militares evitaram que as chamas se espalhassem para estabelecimentos vizinhos, como uma loja de fogos de artifício que fica ao lado do local.

Os bombeiros também conseguiram evitar que o incêndio atingisse o estoque de rodas e pneus, além do escritório da loja. Guardas municipais e policiais militares também deram apoio ao combate ao incêndio.

Fonte: G1 Mato Grosso