Primavera do Leste / MT

HOME / NOTÍCIAS

Polícia

Ladrão deixa mensagem de desculpa em parede após assalto: ‘Faço tudo pelo meu filho’


Um ladrão deixou uma mensagem de desculpa na parede de uma residência na zona rural de Araputanga, a 371 km de Cuiabá, após um assalto nesta quarta-feira (30). Ele e mais três assaltantes invadiram a residência e fizeram um casal de sitiantes reféns na propriedade. As vítimas foram encontradas após a prisão de dois, dos quatro suspeitos, no município de Pontes e Lacerda, a 483 km da capital.

“Toda ação tem uma reação. A voçês (sic) pais de família, nossas desculpas. Faço tudo pelo meu filho”, diz o ladrão com uma caneta vermelha na parede. A mensagem é complementada pelo desenho de duas pessoas dentro de um coração.

De acordo com a Polícia Militar, a mensagem foi encontrada depois que dois suspeitos foram presos. Eles foram abordados e não tinham o documento do veículo com placas de Araputanga.

Em diligências no endereço que consta no registro do carro, os policiais encontraram o casal preso em um dos cômodos da casa. Eles contaram que quatro homens invadiram a residência e os fizeram reféns.

Os outros dois suspeitos conseguiram fugir levando uma caminhonete, aparelhos eletrônicos, joias e uma chocadeira elétrica. Antes de fugir, no entanto, os ladrões deixaram a mensagem na parede.

Além da mensagem de desculpas, os assaltantes deixaram outra mensagem: “PM bom é PM morto”. O texto vem acompanhado de um carro da polícia sendo engolido.

Os dois assaltantes presos foram levados a uma delegacia e devem ser ouvidos. A polícia ainda procura os outros suspeitos do crime.

G1


COMENTÁRIOS

0 Comentários

Deixe o seu comentário!





*

HOME / NOTÍCIAS

Polícia

Agentes da Cadeia Pública conseguem inibir ação de criminosos tentando jogar objetos ilícitos aos detentos


Da Redação

Após dias de levantamentos e investigações de que indivíduos tentariam jogar objetos ilícitos, a direção da Unidade da Cadeia Pública de Primavera do Leste, reuniu sua equipe e após campana, foi possível flagrar o suspeito que já teria arremessado uma linha de anzol por cima do muro da unidade e já estava amarrando os objetos.

A equipe de agentes conseguiu pegar o suspeitos , um deles nas proximidades da Cadeia Pública e o outro na sua residência, pois a equipe já tinha o nome é endereço dos elementos, por isso conseguiu chegar rapidamente no segundo suspeito.

Entre os objetos ilícitos também foi aprendido Substância aparentando ser maconha e uma quantidade de Durapox que seria usado para tampar os buracos usados para guardar os celulares e dificultar a localização pelos agentes. A Direção esclarece que as investigações continuam e agradece a população que sempre vem ajudando com denúncias.