Primavera do Leste / MT

HOME / NOTÍCIAS

esporte

Cuiabá empata no Acre e será 2º time de MT a jogar Brasileirão da Série B em 2019


cuiaba 27-8 conquista acesso

O Cuiabá Esporte Clube está na Série B do ano que vem ao lado do Operário/PR, Bragantino e Botafogo, ambos de São Paulo. Por ironia, os quatro do Grupo B garantiram o acesso. O atual campeão mato-grossense garantiu o acesso na noite desta segunda-feira ao ceder o empate em 2 a 2 com o Atlético no estádio Florestão, na capital do Acre, Rio Branco. Alê abriu o placar aos 5min da etapa final e Bruno Sávio ampliou aos 27. O galo Carijó diminuiu aos 36 com Rafael Tanque e empatou aos 41 com Diego.

Na etapa inicial o Dourado foi bem melhor que o Galo Carijó, mas não converteu as oportunidades de gols criadas durante os 45 minutos iniciais. O time da casa tenta furar o bloqueio do clube mato-grossense, mas os homens do técnico Itamar Schulle, bem postados em campo, impediam os ataques do time da casa. O Cuiabá era melhor em campo e nas poucas vezes que chegava a meta adversária era com perigo, mas pecava nas finalizações terminado o primeiro tempo em 0 a 0. O empate era bom para o Cuiabá.

cuiaba 27-8 bruno savio

Bruno Sávio marca o segundo gol do Cuiabá e comemora; empate garante time da Série B

No segundo tempo o Cuiabá voltou melhor e nos minutos iniciais levou perigo a meta defendida por Ruan e aos cinco minutos o atacante Alê, autor do primeiro gol na Arena Pantanal no jogo de ida, foi feliz no Florestão e ao chutar forte em direção ao gol, errou o chute, e a bola acertou o zagueiro Rafael Tanque e enganou o goleiro Ruan, que nada pode fazer para evitar o 1 a 0 a favor do Dourado. O gol deu uma injeção de ânimo aos visitantes e outras diversas oportunidades de aumentar o placar foram criadas, mas sem sucesso.

Mas aos 27, o meia Bruno Sávio, um dos melhores do Cuiabá em campo, recebeu a bola no meio de campo e se livrou das marcações e próximo do área chutou com categoria fazendo 2 a 0 a favor do campeão mato-grossense o que seria a classificação certa à fase semifinal e também o acesso garantido à Série B do ano que vem. Mas o Galo Carijó acordou em campo e diminuiu com Rafael Barros aos 36, ao escorar o escanteio do setor esquerdo e fazer 2 a 1. O empate veio também de um escanteio do setor direito e desta vez o zagueiro Rafael Tanque cabeceou no canto esquerdo do goleiro Victor Souza: 2 a 2.

O árbitro paulista Luiz Flávio de Oliveira deu cinco minutos de acréscimo e o time da casa teve duas reais chances de virar o jogo, mas o goleiro Victor Souza, que havia falhado em alguns lances, se redimiu e garantiu o empate e consequentemente o passaporte para a Série B de 2019. Na semifinal o Cuiabá vai enfrentar o Botafogo de Ribeirão Preto (SP) fazendo o primeiro jogo na Arena Pantanal. Público e renda não foram divulgados.

cuiaba 27-8 primeiro gol

Alê comemora com os companheiros do Dourado o primeiro gol do empate de 2 a 2 com o Atlético Acreano, garantindo o acesso do time cuiabano à Série B

Ficha técnica

  1. Atlético – Ruan; Matheus, João Marcos (Igor), Diego e Alfredo (Rafael Tanque); Leandro, Taua, Kassio e Eduardo; Neto e Rafael Barros. Técnico Álvaro José
  2. Cuiabá – Victor Souza; Jean, Ednei, Edson Borges e Marcelo Xavier; Escobar, Alê e Eduardo Ramos;  João Carlos (Adriano Pardal) e Bruno Sávio (Jenison). Técnico Itamar Schulle
  3. Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira e seus assistentes foram Miguel Caetano Ribeiro da Costa e Alex Ang Ribeiro, todos de São Paulo

Fonte: Admar Portugal / Especial para o Rdnews


COMENTÁRIOS

0 Comentários

Deixe o seu comentário!





*

HOME / NOTÍCIAS

política

Vereadores ouvem reivindicações de trabalhadores contra a empresa CityBus


Luis Costa prepara pedido de CPI para investigar a empresa

Da Redação

A comunidade tem reclamado das condições de uso do transporte coletivo de Primavera do Leste, e desde o ano passado o vereador Luis Costa (PR) começou a levantar dados necessários para investigar a situação. Em novembro o legislador acompanhou o trajeto do bairro Primavera 3 até o centro, e viu que a situação não é nada boa, pois existe a super lotação. Diante desta perspectiva e das reclamações que vem chegando ao gabinete do vereador e também a Casa de Leis, Luis Costa sugere que se instaure uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar a empresa CityBus.

E no dia de ontem (20), o legislador, juntamente com os colegas Carlos Venâncio (PSD) e Carmem Betti Borges (PSC), participaram da assembléia geral dos trabalhadores da Granja Mantiqueira e na oportunidade, ouviram os trabalhadores de Primavera do Leste e os que moram em Poxoréu, sobre as condições do transporte coletivo. A empresa Granja Mantiqueira fornece apenas o valor do transporte coletivo aos trabalhadores, não tendo assim nenhuma ligação com a empresa CityBus.

“Temos apenas uma empresa de transporte coletivo em nossa cidade que é a CityBus, e sabemos que a cidade talvez não tenha um número expressivo de habitantes que precise para ter uma outra empresa, sendo assim, a empresa que ganhou a licitação tem que cumprir com o contrato e fornecer um serviço de qualidade aos usuários”. Informa o legislador.

Segundo relatos de passageiros do município, os ônibus têm chegado com atraso nos pontos, tem circulado na cidade com super lotação, também alguns não têm as adequações necessárias para transportar passageiros e a empresa não dispõe de uma ouvidoria. Já os passageiros que vem da cidade de Poxoréu para trabalhar em Primavera do Leste, reclamaram do atraso em relação aos horários, já que muitos usuários precisam chegar a seus empregos nos horários.  Ainda alguns motoristas estão rodando em alta velocidade. Outro ponto citado é a falta de estrutura do ônibus que faz essa linha intermunicipal, em que, não possui cinto de segurança, estão super lotados e estragando no meio da estrada com muita freqüência.

“Já solicitei a prefeitura o contrato entre a empresa e o executivo para investigar o cumprimento, também estou juntando todas as reclamações, e irei, com outros colegas vereadores até a Coordenação Municipal de Trânsito e Transportes Urbano (CMTU) da cidade para verificar a situação das vistorias. Ressalto ainda que iremos falar com a Ager, órgão que fiscaliza as linhas intermunicipais para saber quais os padrões para transportar passageiros e iremos exigir os tacógrafos, como forma de acompanhar o bom andamento do serviço prestado”. Conclui Luis Costa.