Primavera do Leste / MT

HOME / NOTÍCIAS

Região

Buraco de 7 metros “engole” caminhonete em estrada rural


Uma verdadeira cratera com 7 metros de profundidade “engoliu” uma caminhonete modelo S10, em estrada na zona rural na região de Cáceres, a aproximadamente 445km de Rondonópolis. Segundo a Secretaria de Obras de Cáceres, o buraco se formou após excesso de chuvas na região. O motorista e o passageiro que estavam no veículo, conseguiram sair a tempo antes que a caminhonete afundasse completamente.

De acordo com o secretário de Obras, Valdeci Rodrigues, a estrada dá acesso às fazendas e outras propriedades rurais de Cáceres. O caso aconteceu na terça-feira (9), a estrada foi interditada e o buraco deve ser tampado até sexta-feira (12).

“A cratera se formou no meio da estrada depois que a água da chuva cobriu a região. O carro parou, estavam em duas pessoas. A roda da frente caiu e não conseguiram sair. Uma pessoa foi pedir ajuda e a outra ficou no veículo. A caminhonete foi abaixando, abaixando e começou a afundar totalmente”, relatou Valdeci a um veículo de comunicação.

A pessoa que estava na caminhonete conseguiu sair antes que o veículo afundasse totalmente por completo. Fazendeiros e pessoas da região foram chamadas para ajudar na situação. A Defesa Civil e o secretário também foram ao local e tentaram retirar a caminhonete do buraco.

Foi necessário a ajuda de quase 10 pessoas para retirar a caminhonete da cratera. O motorista e o passageiro são moradores de Mirassol D’Oeste, e estavam a trabalho nas fazendas da região.

A expectativa é que o buraco seja tolamente  tampado entre esta quinta e sexta-feira.

Fonte: AgoraMT


COMENTÁRIOS

0 Comentários

Deixe o seu comentário!





*

HOME / NOTÍCIAS

Polícia

Agentes da Cadeia Pública conseguem inibir ação de criminosos tentando jogar objetos ilícitos aos detentos


Da Redação

Após dias de levantamentos e investigações de que indivíduos tentariam jogar objetos ilícitos, a direção da Unidade da Cadeia Pública de Primavera do Leste, reuniu sua equipe e após campana, foi possível flagrar o suspeito que já teria arremessado uma linha de anzol por cima do muro da unidade e já estava amarrando os objetos.

A equipe de agentes conseguiu pegar o suspeitos , um deles nas proximidades da Cadeia Pública e o outro na sua residência, pois a equipe já tinha o nome é endereço dos elementos, por isso conseguiu chegar rapidamente no segundo suspeito.

Entre os objetos ilícitos também foi aprendido Substância aparentando ser maconha e uma quantidade de Durapox que seria usado para tampar os buracos usados para guardar os celulares e dificultar a localização pelos agentes. A Direção esclarece que as investigações continuam e agradece a população que sempre vem ajudando com denúncias.