Primavera do Leste / MT

HOME / NOTÍCIAS

Polícia

Ataque a tiros deixa ao menos dez mortos em escola de Suzano, na Grande São Paulo


Imagens registradas de dentro da Escola Estadual Raul Brasil após o ataque Foto: Reprodução
Imagens registradas de dentro da Escola Estadual Raul Brasil após o ataque Foto: Reprodução

Um colégio estadual de Suzano, na Grande São Paulo, foi palco de uma tragédia na manhã desta quarta-feira. Depois de matar o dono de uma locadora e roubar um carro, dois atiradores invadiram a Escola Estadual Raul Brasil , no Jardim Imperador, e abriram fogo a esmo no horário do intervalo. No colégio, eles mataram cinco estudantes, duas funcionárias do colégio e, logo em seguida, se mataram.

Os atiradores se envolveram em outro crime antes de invadirem a escola. Por volta das 9h, dois atiradores entraram em uma concessionária de carros que fica na vizinhança, a Jorginhos Veículos.

Segundo testemunhas, eles perguntaram pelo nome do dono do estabelecimento e, quando o homem se apresentou, deram três disparos. Na sequência, foram de carro até o colégio, distante cerca de 500 metros. A vítima está internada.

Imagens de câmera de segurança de um casa que fica na rua do colégio mostram os atiradores descendo de um carro branco. Minutos depois, o vídeo mostra dezenas de estudantes pulando o muro do colégio para fugir.

Segundo o comandante geral da PM, coronel Marcelo Vieira Salles, além de um revólver 38, os assassinos portavam arco e flechas, uma machadinha, coquetel molotov e artefatos explosivos.

— Ao entrar na escola, eles atiraram numa coordenadora pedagógica, numa outra funcionária e em mais quatro alunos do ensino médio. Em seguida, dirigiram-se ao centro de línguas, onde os alunos se fecharam na sala de aula. Os dois homicidas então se suicidaram no corredor — afirmou o policial.

Imagens divulgadas pelas redes sociais mostram que um dos atiradores usava um capuz com o desenho de uma caveira, vestia camiseta e calça pretas e luvas na mão direita.

Num primeiro momento, a polícia revelou que os atiradores eram ex-alunos da escola Raul Brasil. Mais tarde, porém, o governador João Doria (PSDB) disse que, segundo a diretora da instituição, eles nunca estudaram na unidade.

Após visitar a cena do ataque a tiros, o governador João Doria prestou solidariedade aos familiares das vítimas:

— É a cena mais triste que assisti na minha vida. Triste que isso ocorra em meu país e em São Paulo. Estou muito impactado. Fui ao local e fiquei consternado, chocado. Quero prestar a nossa solidariedade e esperança às famílias para que todos possam se recuperar — disse o governador.

Após o crime, uma aglomeração de pais e parentes de alunos se formou no entorno do colégio. A PM montou um cordão de isolamento, e a Defesa Civil tenta organizar o encontro entre eles e os alunos.

A Prefeitura de Suzano montou uma estrutura em um centro comunitário para dar apoio psicológico aos familiares das vítimas.

A escola Raul Brasil tem cerca de 1 mil alunos matriculados e 105 funcionários, segundo dados do Censo Escolar de 2017. A escola oferece aulas para turmas do 6º ano do ensino fundamental à 3ª série do Ensino Médio.

Fonte: O globo


COMENTÁRIOS

0 Comentários

Deixe o seu comentário!





*

HOME / NOTÍCIAS

cidade

Duas novas ambulâncias complementam a frota da saúde de Primavera do Leste


Os veículos foram adquiridos com a contribuição da Câmara Municipal

A secretaria municipal de Saúde recebeu nesta sexta-feira (19), mais duas ambulâncias novas para integrar a frota.  Com recursos devolvidos da Câmara Municipal, R$ 350 mil, e a contrapartida da Prefeitura foi possível equipar, para tornar mais eficiente, um setor de suma importância que é o transporte de pacientes para Rondonópolis e Cuiabá, preferencialmente.

O Legislativo repassou os R$ 350 mil e, desse montante, trezentos foram destinados a aquisição das ambulâncias e o restante, R$ 50 mil, teve outra destinação, também na área da saúde. A Prefeitura contribuiu com R$ 56 mil provenientes de recursos próprios. Na oportunidade a prefeitura recebeu uma ambulância doada pela empresa Cargill.

Segundo a secretária de saúde, Laura Kelly, essas duas aquisições “somam cinco ambulâncias para atender a demanda intermunicipal, ou seja, transportar pacientes para Rondonópolis e Cuiabá, como também atender os pacientes em domicílios”.

A coordenadora da UPA, Paula Castilho Xavier, afirmou que são realizadas cerca de 80 a 100 viagens mensais, transportando pacientes, e “para atender essa estrutura contamos com nove motoristas com plantões de quatro motoristas/dia e um atendendo a demanda interna”.

O presidente da Paulo Márcio (DEM) destacou o empenho dos parlamentares em contribuir com seriedade para uma gestão responsável. “Nosso objetivo é o desenvolvimento de Primavera do Leste. Por isso, nosso trabalho tem sido pautado no bem público. Conhecemos de perto os problemas de cada área e a saúde tinha essa necessidade de mais ambulâncias, para agilizar e potencializar os atendimentos”.

O prefeito Léo Bortolin reafirmou que a parceria com a Câmara Municipal tem permitido investimentos em áreas essenciais para o bem da população. “Reconheço a importância dessa confiança mútua entre os Poderes. Só temos a agradecer a atuação dos vereadores, pelo entendimento de que juntos podemos fazer de Primavera a cidade que queremos, com qualidade de vida e saúde pública eficiente, essa é nossa função pública”.

ASCOM – Prefeitura de Primavera do Leste